Bom dia!           Quarta 17/01/2018 09:25
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home | Diretoria | Boletim | Associe-se | Fale conosco | Mapa do Site | Webmail               

Sindicato cobrará retorno do pão
em CPN específica na sexta (12)

Foi ordem do Guti? Foi decisão do secretário da Saúde, Sérgio Iglesias Filho? Ou foi ato burocrático do sr. Radyr Llamas Papin, diretor administrativo e financeiro da Pasta?

Não importa. O fato concreto é que o corte no fornecimento do pão francês aos companheiros da Saúde é um ato desumano e economia burra.

Nosso diretor Rogério de Oliveira, que é funcionário da Saúde, comenta: “O pãozinho sempre foi fornecido na entrada do Servidor no trabalho ou na saída. A pessoa que cumpre, por exemplo, turno de 12 horas, não pode ir embora sem se alimentar”.

A decisão, em vigor desde o dia 29, além de cortar um direito praticado desde sempre, mostra que o governo quer economizar em cima do Servidor. Até porque, vale lembrar, no caso da Gerir, a OS recebeu R$ 13 milhões antes mesmo de começar a atuar no HMU e outros locais.

Acorda, Guti - Sr. Prefeito: com esse tipo de atitude arbitrária, unilateral e desumana, sua nova política vai pro ralo.

Sindicato - O Stap cobra o retorno imediato do fornecimento do pão. Pedimos aos companheiros que denunciem e nos procurem. Vamos, juntos, reconquistar esse benefício.

Informações - Ligue no Sindicato, fale com nossos diretores. Telefone 2468.2607.


Diretores Rogério e Ivandro em visita à UPA Paulista