Bom dia!           Domingo 17/12/2017 11:43
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home | Diretoria | Boletim | Associe-se | Fale conosco | Mapa do Site | Webmail               
• 27/11/20017 - quarta-feira

Entrevista ao site detalha quais são
os benefícios e como ter acesso

Uma das marcas do Stap é a ampla rede de serviços e assistência aos Servidores municipais, especialmente aos sócios. Muitos desses benefícios cobrem também os dependentes. Nesta entrevista, nosso presidente Pedro Zanotti Filho detalha o que é essa rede, a quem beneficia e como fazer para ter acesso a ela.

Pedro comenta: “O objetivo da diretoria é prestar um bom serviço à categoria. Achamos que o Sindicato pode ajudar o Servidor a ter mais qualidade de vida, e assim fazemos. Além dos serviços, procuramos gerar economia no orçamento dos companheiros”.


Nosso presidente esclarece quais são os principais benefícios do Stap

A ENTREVISTA

Presidente Pedro, quais as principais assistências e serviços que o Sindicato propicia aos Servidores?

Vou começar pelo Jurídico. Temos um departamento com três advogados. No serviço público acontece de o servidor ser vítima de processo administrativo, o que é comum. Se fala muito em estabilidade, mas esquecem que o Servidor pode sofrer processo administrativo. Nesse caso, nosso Jurídico faz o acompanhamento pra que a pessoa tenha direito a ampla defesa, sem custo.

Observe: esse serviço com advogado de fora do Sindicato custaria em torno R$ 2 ou R$ 3 mil. Mas o sócio do Stap tem todo esse acompanhamento, do início ao fim, gratuitamente.

Dentre os processos do Departamento Jurídico, existem aqueles que o Servidor celetista é mandado embora (quando a empresa alega justa causa) e o Sindicato reverte a decisão. Às vezes tem diferença salarial, o jurídico reivindica na Justiça. E há outras demandas. Fala um pouco mais do serviço jurídico para os Servidores entenderem a importância.

Nosso Departamento Jurídico tem um histórico de grandes vitórias. São demandas coletivas e individuais que o sócio consegue ganhar conosco. Há vários Servidores contemplados com ações do Sindicato. Por exemplo, já houve centenas de reintegrações, onde o chefe manda embora, e nós conseguimos reverter para que essa pessoa volte a trabalhar. Além disso, tem a sequência desse processo. A partir do momento que ele é reintegrado, dependendo do tempo que demorou, ele tem direito aos salários perdidos. Esses processos continuam e o Sindicato segue dando assistência sem nenhum custo para que o trabalhador não seja lesado e receba tudo o que é de direito dele.

E os serviços de cabelereiro e clínica de estética. Como funcionam?

Eles ficam dentro da nossa própria sede. São serviços muito procurados. Conseguimos praticar o melhor preço de Guarulhos. Até lançamos um desafio: se o Servidor achar valor menor na cidade, pode levar que nosso profissional cobre.

Pedro, o Sindicato também oferece atendimento odontológico. Queria que você explicasse esse serviço.

Somos conveniados com a clínica Guarudonto, totalmente paga pelo dinheiro dos associados. O sócio pode usar todos os serviços, exceto o aparelho. No entanto, quem optar por colocar aparelho nesta clínica, a mensalidade é mais barata que em outros locais. Se por acaso o associado quiser estender à família, ele associa.


Dentista é para o Servidor e pra toda família


E sobre os convênios com lojas, laboratórios e faculdades?

O Sindicato mantém convênio com todas as universidades de Guarulhos. Os descontos podem chegar a 50% da mensalidade. O convênio também é extensivo aos dependentes. Servidor que tem filho em época de faculdade, sendo sócio, o filho também tem desconto.

Temos uma ampla rede de estabelecimentos conveniados. Com descontos em diversas lojas, laboratórios e outros. Em nosso site, na seção convênios, o Servidor pode encontrar todos os descontos.

O posto de atendimento da Caixa Econômica Federal na sede do Stap facilita a vida do trabalhador?

Com certeza. Nesse posto, o Servidor tem facilidade pra fazer várias operações, como empréstimo consignado, renegociação de dívida ou crédito imobiliário.

O Stap também oferece opções de lazer?

Sim. Temos nosso Clube de Campo no bairro do Marmelo, em Guarulhos – totalmente gratuito para sócios e dependentes. Não paga taxa de manutenção ou outra.

Antes de termos nosso próprio Clube, já tínhamos como parceiro o Clube de Campo dos Metalúrgicos, no Parque Primavera. Se nosso sócio quiser usufruir desse clube, ele paga R$ 30,00 de manutenção. É um valor singelo pra um Clube do porte dos Metalúrgicos. Basta ir à nossa sede se informar. Muitos servidores usam o nosso e também o Clube dos Metalúrgicos.


Clube é totalmente gratuito a sócios e dependentes


O Sindicato dos Servidores oferece benefício para acidentados. Qual benefício é esse?

O Sindicato oferece a DIT (Diária por Incapacidade de Trabalho). Esse benefício é muito importante. Às vezes, a pessoa se afasta por 15 dias do trabalho. Então a pessoa tem direito a R$ 300,00 através da apólice. E tem também seguro de vida. Não é só morte por acidente. É uma ajuda e o Servidor não paga nada por isso. Já é incluído na mensalidade como sócio. Há trabalhadores com salários de R$ 1.100,00 então esse dinheiro ajuda no custeio com um remédio, fisioterapia etc.

O Sindicato, nas negociações coletivas, obteve o Vale-alimentação e Vale-refeição. O que é esse benefício e em que valor está hoje?

Conseguimos essa conquista há bastante tempo. Em todas as campanhas salariais, conseguimos renovar. Então todo ano há uma pressão para que se mantenha esse benefício. O Sindicato tem papel atuante. Na última campanha, o VR teve reajuste pelo índice inflacionário. Conseguimos chegar hoje a R$ 478,00. E para aqueles trabalhadores que ganham até R$ 3.180,00 ele também tem direito a vale-cesta básica de ate R$ 100,00.

A forma que os Sindicatos têm de tentar conter os ataques trabalhistas é mantendo acordos e Convenções Coletivas. No serviço público não há obrigatoriedade de negociação. Gostaria de saber se o Stap tem esse acordo e qual a validade disso para a categoria?

Na campanha salarial de 2009 tivemos um grande avanço. Conseguimos que na cidade de Guarulhos a negociação virasse lei. Então temos uma lei que obriga o chefe do Executivo a negociar as demandas direto com o Sindicato. Isso é uma conquista do município. Nós lutamos com a categoria e conseguimos fazer com que virasse lei. Prefeito Guti tem que seguir a lei. Então, com todos os ataques contra os trabalhadores, nesse momento, os acordos coletivos são muito importantes. O ataque veio para afastar o trabalhador da luta, mas eu entendo que a procura pela associação aumentou depois da reforma trabalhista. Tínhamos uma média de sindicalização de 3 a 4 pessoas por dia. Depois que a reforma entrou em vigor, temos média de 10 a 15 pessoas ficando sócia do Sindicato. As pessoas estão preocupadas com essas mudanças. Mas os Servidores não estão sós. Tem entidade de classe. Mais do que nunca o Sindicato estará ao lado do trabalhador.