Bom dia!           Domingo 17/12/2017 11:45
Receba nossos informativos: Nome: Email:
Home | Diretoria | Boletim | Associe-se | Fale conosco | Mapa do Site | Webmail               

Reunião debateu extensão
de jornada referente a 2016


Conforme definido na quarta (4), durante encontro entre nosso presidente Pedro Zanotti Filho e o prefeito Guti, no Paço Municipal, houve reunião nesta quinta (5) entre dirigentes do Sindicato e gestores da Secretaria de Finanças, para ajustar diferenças e apurar os valores efetivos das dívidas com os profissionais da Educação.

No encontro, nosso Sindicato cobrou o pagamento da extensão da jornada dos Servidores da Educação, referente aos meses de junho e julho de 2016, que estavam fora dos cálculos do governo. O Stap requereu que esses meses fossem considerados.

O secretário de Finanças, Peterson Ruan, pediu 40 dias para realizar os cálculos desses meses e anunciar quando serão pagos os valores de quem efetivamente cumpriu a jornada de junho e julho do ano passado.

Pedro diz: “A Prefeitura havia feito o cálculo sem colocar a extensão da jornada de junho e julho. Nós solicitamos que o cálculo fosse feito, para que o pagamento seja correto”.

Na quarta (4) o prefeito Guti anunciou que a dívida com os Professores será paga no dia 11. O valor deve superar R$ 30 milhões, que fazem parte de parcelas referentes a extensão de jornada (exercício 2016 – de fevereiro a abril), gratificação de mérito (exercício 2016), equiparação entre PEI (Professor de Educação Infantil) e PEB (Professor de Educação Básica) (exercício 2016 – fevereiro a julho) e evoluções na carreira.


Presidente Pedro e diretoras Sara e Renata em reunião na Secretaria de Finanças